Pesquisadores fazem nova descoberta sobre psicopatas

São Paulo – Se você pensa que os psicopatas não sentem altos níveis de estresse e ansiedade, um novo estudo diz que você pode estar enganado. Pesquisadores da Universidade de Maastricht, nos Países Baixos, informam que nem todos os psicopatas são iguais e eles podem, sim, sentir ansiedade e estresse.

A pesquisa envolveu 529 participantes com psicopatia, que foram divididos em dois grupos. Um deles era chamado de “Dominância Destemida” (associados a baixos níveis de dor e medo), enquanto o outro era o “Antissociais Impulsivos” (associados a fatores como impulsividade e egoísmo). O primeiro grupo apresentou baixos níveis de medo, ansiedade, dor e estresse, mas o segundo teve níveis maiores de estresse e ansiedade.

Guillaume Durand, autor do estudo da Universidade de Maastricht, ressalta a importância de considerar os subgrupos e gêneros na elaboração de estatísticas relacionadas a psicopatas.

“O estudo presente sugere que a definição do psicopata dada pela mídia (assassinos em massa depravados de qualquer forma de moralidade) é bem distante da verdade. Apesar de obviamente existirem pessoas assim, existem outros indivíduos altamente psicopatas que têm mais traços adaptativos do que mal adaptativos, tornando-os perfeitamente adaptáveis à sociedade˜, de acordo com Durand, segundo o Psypost.

O estudo buscava esclarecer discrepâncias de outras pesquisas com relação aos psicopatas–mas ainda é preciso realizar mais pesquisas sobre o assunto para que haja uma conclusão consensual na comunidade científica.

Fonte:Exame

Facebook Twitter Google+ linkedin email More
Copyright © Radio Chips Fm - Rádio e Guia Comercial